Musculação aplicada a corrida de rua

Esta é uma das maiores dúvidas dos corredores, look talvez pelo fato de não haver uma resposta pronta e acabada. A série de musculação depende de muitos fatores como: distância da prova, tempo previsto, data da prova, objetivo proposto e sobretudo da individualidade do corredor. Por tudo isso e priorizando a saúde e a melhora da performance, sua série deve ser prescrita por um educador físico, preferencialmente com conhecimento em corrida.

O professor pode seguir diferentes métodos para atender um mesmo objetivo, desde que este treino respeite as características individuais de cada corredor, daí minha preocupação com treinamentos “milagrosos” divulgados pela mídia ou por algumas pessoas de forma vulgar e generalizada.

De uma maneira geral, nas planilhas que monto para meus alunos, procuro adequar as séries de sobrecarga aos respectivos períodos da planilha de corrida: durante o período de base (período inicial de um novo ciclo de treinamento), estimulo inicialmente a força de resistência, com séries mais longas (15 à 25 repetições), passando em 3/4 semanas para séries de força pura, com pouco volume e maior intensidade (Ex.: 4 x 3 repetições). Na fase seguinte, período específico, as séries priorizam a força explosiva, ou seja, aumento da potência muscular com exercícios em alta velocidade e com características do treinamento funcional respeitando a especificidade da modalidade em questão, a corrida. Finalizando, durante a semana que antecede a prova, indico a suspensão de todo o treinamento de sobrecarga, enfatizando o treinamento técnico.

Lembro que estas dicas estão relacionadas principalmente as corridas mais badaladas e freqüentadas por corredores recreacionais 5km, 10km  e até a meia maratona para corredores com relativa experiência.

Espero que possa ter colaborado para a melhora de seu treinamento de musculação. Com estas informações você já pode ter uma conversa mais técnica com seu professor de musculação ou treinador de corrida para dividir a quantificar a carga de treinamento semanal e voar nas próximas provas!

Que tal um sopro?

Junte-se a nós correndo!

Por
Sandro Rodrigues dos Santos
Startmove Assessoria Esportiva

Você também pode se interessar por:

Excelência em Corrida de Rua
Com a palavra do médico!
Luz, câmeras e corridas!
Startmove na Fila Night Race
2ª Corrida Atitude Bosch